Você é produtor rural e quer saber como comercializar seus grãos? Todo produtor sabe que antes de arar a terra é preciso preparar e se planejar para conseguir vender sua safra nas melhores condições de mercado.

O mercado de grãos é incerto e a instabilidade do clima, por exemplo, pode alterar os preços dos produtos rurais de forma inesperada. Com a volatilidade em alta, a receita para obter mais chances de sucesso é conhecer bem os custos de produção e já se programar para a venda futura.

Pensando nisso separamos tudo que você precisa saber para comercializar seus grãos da melhor forma possível.

Dicas para comercializar grãos

Todo produtor precisa entender quais fatores interferem na variação de preços dos grãos e acompanhá-los. Hoje, somente observar os fatores econômicos e as oscilações da bolsa de valores não é suficiente para obter sucesso na venda de seus grãos. Falta de chuvas, excesso de chuva, aumento de oferta ou diminuição de demanda, tudo isso afeta nos preços finais do produto.

Conhecer e acompanhar os principais países produtores é de grande importância para termos noção do que mercado internacional de preços.

Confira acima como alugar silo de armazenagem e preservar o valor do seu produto.

Além disso, é fundamental ter uma empresa da área que passe confiança e indique, através de consultores experientes, a análise do cenário atual e, consequentemente qual é o melhor momento para comercializar os grãos. (Aproveitando aqui pra fazer nosso jabá, atendemos produtores rural em todo o país, fazendo corretagem de grãos, arrendamento de terras, consultoria, compra e venda e mais, você pode entrar em contato com a gente clicando aqui.)

Existem inúmeras formas para obter mais rentabilidade na venda de grãos! A diversificação das modalidades de comercialização pode diminuir seus riscos. “Mas quais modalidades são essas Gran Milho?”. É isso que falaremos abaixo.

Modalidades de comercialização de grãos

Existem diversas formas de se comercializar grãos no Brasil e no mundo. Algumas bolsas de valores como a B3 atuam com comercialização de commodities, vale lembrar.

Listamos abaixo as principais e as que mais recomendamos. Confira aqui operações para a venda de grãos:

Barter

Esse termo significa “troca”. De forma prática, consiste em uma modalidade que envolve a troca dos grãos por insumos em geral. Esse tipo de negociação acontece com antecedência e não envolve dinheiro.

Hedge

Esse termo significa “proteção”. Nessa modalidade, os preços são fixados antes da venda, também chamado de operação a termo. O objetivo dessa forma de comercialização é proteger o valor dos grãos devido à grande instabilidade do mercado.

Pré-fixação

Nessa modalidade o produtor negocia os grãos com alguma cooperativa ou empresa e “trava” preços. Normalmente entrega fisicamente o produto.

Venda a fixar

Nessa modalidade o comprador antecipa o pagamento, contudo são descontados juros até a entrega dos grãos. A diferença entre o valor antecipado e osjuros aplicados vira a remuneração do produtor rural. Essa modalidade não é muito indicada, pois não dá muito lucro ao produtor. Então, fique atento se vale a pena!

Pré-pagamento

O comprador paga os grãos com antecedência e os entrega pessoalmente. Fique atento, pois nessa modalidade também existe cobrança de juros!

Além dessas modalidades citadas acima, que são conhecidas como“mercados futuros”, vamos citar algumas outras opções como:

Comercialização via cooperativas

Essa modalidade irá possibilitar ao produtor o desenvolvimento de um negócio integrado, facilitando o planejamento. Apesar de algumas vantagens na compra de insumos, nessa modalidade você tem menor liberdade na escolha de compradores e fornecedores. 

Comercialização via Tradings e Corretoras 

São as instituições que vão ser responsáveis pela negociação tanto nacional quanto internacional. Elas vão facilitar os processos de negociação e chegar a alternativas boas para os produtores e compradores. Contudo, elas cobram uma porcentagem para isso.

Gostou das dicas sobre como comercializar grãos? Continue seguindo nosso blog e fique por dentro de assuntos como esse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.